De onde surgiu a necessidade de escrever?

Da vontade de compartilhar algumas verdades tão cabeludas que até uma mentira mal contada convenceria mais.

Eu não sei mentir, isso é bem complicado de administrar num mundo onde mentir é “meio básico”. Existem até teses defendendo a importância de mentir em alguns casos. Não concordo com esta tese mas já me vi bem tentada a mentir todas as vezes que a verdade era doida demais para qualquer um acreditar.

Tem dias que penso em sumir.

Tem dias que acredito que posso voar.

Entre uns dias e outros vou apenas vivendo e aprendendo um pouco mais.

Este livro é sobre a vida. A minha vida maluca e esquisita, segundo principalmente a avaliação dos outros. Não que eu ache minha maneira de encarar e viver a vida “maluca” de verdade, mas é o que todo mundo diz.

Procuro apenas coerente com o que acredito, sinto e experimento. Mas sim, é mesmo uma vida bem diferente da maioria.

Entendo que vale a pena compartilhar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *